A INTERVENÇÃO FISIOTERAPÊUTICA NO TRATAMENTO DAS DESORDENS   TEMPOROMANDIBULARES: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA

Samara Emanuela Coelho da Silva
Karen Luany da Silva Santos
Dr. Ronney Jorge de Souza Raimundo

 

Resumo

A Articulação Temporomandibular (ATM) é formada por um conjunto de estruturas anatômicas que estabelecem uma ligação entre o osso temporal e a mandíbula. Essa articulação é suscetível a variações patológicas originando desordem como a disfunção temporomandibular. Disfunção Temporomandibular (DTM) é definido pela alteração patológica que prejudica a articulação temporomandibular (ATM), tendo potencial de afetar os músculos mastigatórios e sistema estomatognático. A intervenção fisioterapêutica visa amenizar a dor musculoesquelética, reduzir inflamação e espasmos, ganhar ou manter a amplitude de movimento, recuperar a função do sistema mastigatório e promover a reeducação do paciente para melhorar a qualidade de vida. Objetivo: Desta forma o objetivo desse estudo foi analisar as evidências científicas sobre o tratamento fisioterapêutico na desordem temporomandibular. Métodos: Foram realizadas buscas eletrônicas nas bases de dados  PubMed, Lilacs  e Scielo a fim de identificar os artigos científicos indexados e publicados nos anos de 2011 a 2018. Foram selecionados 20 artigos após analise utilizou-se 11. Resultados: Os resultados obtidos neste estudo, nota-se que os recursos fisioterapêuticos trazem bons resultados em paciente com DTM, reduzindo a dor e aumentando a amplitude de movimento. Conclusão: Conforme os resultados apresentados neste estudo, conclui-se que os recursos fisioterapêuticos trazem bons resultados em paciente com DTM.

Palavra-chave: ARTICULAÇÃO TEMPOROMANDIBULAR. FISIOTERAPIA. TRANSTORNOS DA ARTICULAÇÃO TEMPOROMANDIBULAR.

 Abstract

Introduction: The Temporomandibular Joint (TMJ) is formed by a set of anatomical structures that establish a connection between the temporal bone and the mandible. This joint is susceptible to pathological variations leading to disorder such as temporomandibular dysfunction. Temporomandibular dysfunction (TMD) is defined by the pathological alteration that impairs the temporomandibular joint (TMJ), having potential to affect the masticatory muscles and the stomatognathic system. The physiotherapeutic intervention aims to ameliorate musculoskeletal pain, reduce inflammation and spasms, gain or maintain range of motion, recover the function of the masticatory system and promote the re-education of the patient to improve the quality of life. Objective: In this way the objective of this study was to analyze the scientific evidences about the physical therapy treatment in the temporomandibular disorder. Methods: Electronic searches were carried out in PubMed, Lilacs and Scielo databases to identify the scientific articles indexed and published in the years 2011 to 2018. Twenty articles were selected after analysis and 11 were used. Results: The results obtained in this study , it is noted that the physiotherapeutic resources bring good results in patients with TMD, reducing pain and increasing range of motion. Conclusion: According to the results presented in this study, it was concluded that the physiotherapeutic resources have good results in patients with TMD.

Keywords: TEMPOROMANDIBULAR JOINT. PHYSIOTHERAPY. TEMPOROMANDIBULAR JOINT DISORDERS.

Texto Completo

PDF (PORTUGUÊS  (BRASIL))

INDEXADORES